Online com Deus

By Luis Carlos “Rapper” Archanjo

Sob a ótica matemática
Da lógica da aproximação
Nas contas de Deus
Não tem cor, sexo, nação, religião
À intenção de dois destinos a se cumprir
Quando não se pode ouvir a voz do olho no olho
É só abrir a porta do coração
Na latitude, longitude, atitude
De quem tá logo alí
Além do mar, do bem, do mal
No Japão ou no Nepal, Tajmahal
Benin, Belém, Bogotá, Berlim
É logo ali, é logo ali
Na lavagem do Bonfim
Na passagem do Ilê
No Independency Day
No azul da Força de Paz
Na cor Vermelha da Cruz
Sob o salmão, carmim, lilás do seu corpo a meia-luz
O amor é logo ali
É logo alí, logo alí, ali
Contando no dedo
Há apenas uma, duas, três, quatro pessoas
Do macho, da fêmea, da alma gêmea
Porque sei não sei se foi
Livro, cinema ou mesa de bar
Tal qual as coisas da crendice
Quem foi que disse, não sei
Só sei que acreditei
Nas coisas da fé que aprendi com mãe
Dessa dor sem porque
Chamada voz da razão
Dizendo ao coração
Que só vai parar de doer
Quando você desatar os nós
Soltar a voz
Tirar o capuz
Se expor à luz
E cantar o amor
Pra quem tá logo ali
Pra quem tá logo ali, alí
Ao vivo e a cores, com flores
Ou na tela do computador
Com as dores do mundo a esperar por nós
Contando no dedo
Há apenas 1,2,3,4 pessoas
Além do mar, do bem, do mal…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: